terça-feira, 12 de maio de 2009

A INFÂNCIA PERDIDA

                SitioPicaPau-333-globo

Fiz um trabalho na escola sobre a vida do grande nome da literatura infanto-juvenil Monteiro Lobato. Igual à ele não existe, infelizmente.

  O que as crianças de hoje gostam?  Desenhos japoneses, desenhos de monstros e lutas, apenas coisas destrutivas e tudo graças a bendita mídia.

  Na minha experiência como professora, principalmente na Educação Infantil, pude perceber que é muito grande a influência que esses “graciosos” desenhos animados exercem nas crianças. Às vezes pode representar um perigo, através dos desenhos feitos por uma criança, pode se tirar muitas conclusões sobre ela.

   Eu pedia para os meus alunos explicarem os seus desenhos.

    Pois aí vai: “ Tia, esse é monstro que atira bolas de fogo e esse aqui é o fantasma cósmico que vai matar o monstro…” Era cada coisa que saía, mas a criativade valia e às vezes até me divertia com isso.

   Essa nova geração talvez nunca tenha ouvido falar em Monteiro Lobato, João e Maria ou Sítio do Picapau Amarelo. Mas Dragon Ball, Ben 10, Naruto e outras coisas do gênero eles conhecem muito bem, e nos mínimos detalhes, é incrível.

   É uma pena que a melhor fase da vida, a infância, seja desperdiçada dessa forma.

  

 * O ÚNICO livro de Monteiro Lobato que não fez sucesso se chama “O Presidente Negro”, se fosse publicado hoje, seria o mesmo fracasso de antes? Como o mundo dá voltas.

16 colheram o dia:

Luciano de Sálua disse...

O Mundo dá voltas e voltas, e torna sempre ao mesmo lugar...
Dito isto, pareço pressumir que nada muda... É falso.
Nós não somos os mesmos a cada curva, a cada penhasco a que nos abeiramos, de cada falésia que nos desviamos um nadinha só para a esquerda... o suficiente para não resvalar, mas ainda a vislumbrar a textura do precipício em baixo, ígneo e torpe de pedra.
Aprender com as mudanças é fundamental, porém não é de se estranhar que uma geração saudosista nasça e quera transpor as regras temporais e dizer aos demais, anteriores a nós, o quão belo algumas coisas eram, e hoje já não se vê por aí.
Mas o presidente negro, este nós vimos! :)

Holly disse...

Ouço esse tipo d coisa o tmpo todo. Esqueça isso, ñ as crianças nunca ouviram flar d MOnteiro Lobato, + lhe garanto q sabem d mto + da cultura japonesa do q a geração anterior sabia. Ver desenhos violentos ñ faz 1 pessoa violenta, isso é traço da própria personalidade e d outros milhares d fatores externos.
Os gostos mudam, as gerações mudam, a sociedade muda, ñ se apegue a essas medidas antigas pq elas são absoletas.

Ryan disse...

Não vou negar a você que sou um amante da literatura! Mas mesmo assim acompanhei essa nova geração de desenhos e annimes. Acho que o que conta, é a personalidade e a forma com que as crianças são educadas.

;D

Aléxsia disse...

Acho que essa nova geração vai ser muito agressiva, a maioria dos desenhos, é luta. Eles vão crescer com isso na cabeça :/. Tantas coisas boas da nossa época, pena que vai passando e os nossos sucessores não podem acompanhar.
Beeeijo

Philip Rangel disse...

Concordo com a fala do Ryan acima vale muito o modo de educação de cada um...

bjos

Daniel Savio disse...

A gente que faz o nosso conhecimento, pois dúvido o pessoal não ter alguma versão digital de algum livro virtual do Monteiro Lobato...

E adorava ler Monteiro Lobato.

Fique com Deus, menina Marina Melow.
Um abraço.

Aline disse...

Eu acho que você ainda pode se surpreender! Assim como eu que descobri, lá no fundinho, crianças e adolescentes de baixa renda um grande interesse pela poesia. É como filmes ou música, é só descobrir o estilo que mais te agrada.

Bianca disse...

Acho que essa mudança no mundo tá tão inconstante, que podemos esperar qualquer coisa das novas gerações.
Bom o texto :)

Beijos

Max Psycho disse...

eu tb sou adepto da valia domodo de educação de cada um, belo post, da margem a muitas dissertações e nos faz pensar

Atreyu disse...

Post anterior foi muito bonito!!!
Desde a foto! =*

Post atual!

Tudo é perspectiva de quem vê!
Sempre há esperança!
A quantidade é que varia nos olhos de quem vê.
=*

Mih disse...

Hoje os escritores brasileiros estao quase esquecidos diante de tantas novidades. Nao posso negar que amo Dragon Ball, mas tbm tive minha epoca Monteiro Lobato.

Beijos

Larissa. disse...

Ai como é estranho mesmo essas crianças, essas mudanças. Certo dia, eu fui a um shopping e vi umas crianças levadas por um colégio para ouvir histórias de atores, vestidos de sherazzade e talz. E ouvi umas garotinhas com maisou menos 7 ou 8 anos falando "aaa que coisa de criança..." e fazendo careta.
É estranho...

Adorei o blog!

**

glauber disse...

é verdade, as crianças hoje só gostam de desenhos violentos, sao muito precoces.. nao tiveram a infancia que os pais tiveram, nao brincam praticamente..
é a realidade.. sitio do pica pau amarelo é clássico, assim como o monteiro..

★тєcα★ disse...

Eu já tentei por inúmeras vezes gostar de Monteiro Lobaro, mas nunca consegui, quando eu tinha uns 8 ou 9 anoso Sítio do Pica Pau amarelo (aquele do tempo da mamãe) foi reprisado na cultura, eu eu acho um saco, não conseguia me prender naquilo, detestava a Emilia que não passava de uma enchirida, rs, as vezes até perguntava para a minha mãe:

-Mãe como você consegue gostar desse negócio tão besta e ela dizia:

Que nada isso era muito bom!!!

E eu não via a hora de acabar aquilo para e assistr Castelo Ra-tim-bum, rs.

Vai do gosto de cada um né?

Beijinhos!!!

Jairo Souza disse...

Viva monteiro Lobato e todo seu jeito resmungão e conservador! Acho q se fosse ele tbm não gostaria nd do rumo q está tomando a nova infância! =)

be disse...

華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,